11 de nov de 2014

[Falando em]: Descobrindo Todas as Formas de Amor — de Roberta Farig

Resenhar este livro é mais que especial, pois trata-se da obra de uma amiga que muito gosto. S2 

Eu conheci a Roberta Farig tempos atrás, e desde então acompanho sua dedicação para a publicação deste, que faz parte de uma trilogia —  e saber que foi ela quem ganhou a publicação gratuita da obra, em uma promoção, deixou-me muito feliz. \o/ P.S: Parabéns, Ro! Aliás, dias atrás, ela sugeriu uma troca de exemplares, o que eu aceitei de prontidão. \o Agora confiram a sinopse, vídeo fanmade e resenha de "Descobrindo Todas as Formas de Amor", uma publicação da editora Uno




Sinopse: O amor pode ser encontrado em diferentes formas e situações. Algumas vezes, ele aparece nos momentos mais inesperados e das pessoas menos improváveis. Anabella vivencia isso desde o momento que nasceu. Ela pôde sentir o poder do amor em sua vida, descobrindo, inusitadamente, que o amor salva. Após ser abandonada pela mãe biológica, Anabella passa a viver com os pais adotivos, que lhe dão todo o amor que uma criança deve receber. Com o tempo, ela conhece o mundo e aprende as artimanhas necessárias para sobreviver. O problema é que, algumas vezes, sua inocência a leva por caminhos difíceis, contudo, sempre com alguém a ampará-la, um ser enviado por Deus que muito a ilumina. O amor de um homem não poderia ficar de fora, e a vida traz a Anabella a oportunidade de experimentar uma intensa e deliciosa história. No entanto, nada é por acaso, e no momento em que ela decide se entregar a esse novo amor, uma reviravolta dolorosa surge em seu caminho, obrigando-a a rever seus planos e seus conceitos sobre o amor e a vida.


P.S: Vídeo editado por Vanessa Araujo
Na verdade, sou uma mulher que ainda acredita em contos de fadas. Mas também,  quem disse que eles não existem? Afinal de contas, está cheio de bruxas más e caçadores perdidos por ai. Acredito que, quando o amor é verdadeiro, ele vence qualquer batalha. (Livro: Descobrindo Todas as Formas de Amor  Pág.57)
Estou dando meu parecer sobre uma trilogia, por isso destaco que não vou me basear no que foi apresentado apenas neste primeiro volume. Digo isso, pois, tempos atrás, me deparei com uma resenha  diga-se de passagem  um tanto maldosa sobre a obra em questão, baseando-se no primeiro livro como se fosse o conjunto da obra, o que de fato me irritou. Sei que a Roberta é capaz e que colocou alma em seu texto. Acredito que a pessoa que fez este parecer maldoso, não é adepta à enredos românticos clichê, pois SIM, o enredo é clichê. No entanto, é um clichê com conteúdo e que carrega consigo grande carga emocional. Portanto, pessoas desprovidas de emoção/coração, de fato o achará insosso. Só lamento!!!
Ele pegou minha mão e a beijou, olhando dentro dos meus olhos. Meu corpo já estava suando e ficou ainda mais quente, a cada instante ele se aproximava, causando uma séria combustão desconhecida dentro de mim. Foi quando a sua boca tomou a minha com tamanha urgência. Não reagi, não me mexi, apenas senti seus lábios aos meus. (Livro: Descobrindo Todas as Formas de Amor  Pág.90)
Como o título sugere, em 180 páginas, descobri todas as formas de amor (...) Desde o amor familiar até uma verdadeira amizade. No entanto, a brecha final da trama, destaca-se naquele amor do qual a maioria de nós sonhamos, ou seja, o amor de um homem para uma mulher. S2

Uma das coisas que me instigou na leitura, era saber que a Roberta inspirou-se para/com os seus personagens em atores nacionais. Aliás, foi muito prazeroso ler o livro e imaginar a atriz Fernanda Souza como Anabella e o ator Rodrigo Santoro como Samuel (P.S: O lindo vídeo inserido no post mostra isso S2). 

Anabella é uma garota de 22 anos, filha adotiva e batalhadora, foi criada por duas pessoas maravilhosas, seus pais adotivos  Katia e Leonardo. Ela tem uma amiga um tanto quanto doida  Talita, e faz estágio em um conhecido e conceituado escritório de advocacia, que, por sinal, é um excelente ambiente de trabalho, deixando-a sempre rodeada por amigos (um destes inimigo  rs)  e, por fim, conhece àquele do qual seu coração é flechado, ou seja, o doutor Samuel. 

Ela tem uma vida normal e constantemente é movida pelo coração. O amor que sente por seus pais é divino. Posso dizer que em muitos trechos me senti a própria Anabella, pois sou muito apegada aos meus pais também. S2 Porém, tratando-se do coração, ela se encontra um tanto aturdida. Contudo, eis que surge Samuel, até então o seu chefe no escritório de advocacia. 

A moçoila não o conhecia pessoalmente, e ficou sabendo muitas coisas desagradáveis a seu respeito. Mas quando ambos ficam frente a frente, tudo passa acontecer... Ela se encanta de imediato por ele e sequer se importa com tudo de ruim que escutou. Samuel é um homem lindo, rico, inteligente, charmoso e CIUMENTO... E assim a trama vai se desenvolvendo, aos poucos, mostrando o dia a dia de uma garota que busca por seus sonhos, em meio a dúvidas e anseios, deixando se encontrar e perdendo-se. O final é enveredado por um dilacerante acontecimento, que certamente será abordado como foco no livro 2.

O livro é narrado em primeira pessoa (sempre aos olhos de Anabella), com narrativa e diálogos de fácil compreensão; sua diagramação é singela, com fontes numa medida boa, porém, os espaçamentos estão muito rentes as laterias, o que de certa forma dificultou a leitura, adornados com papel offset, ou seja, o branco (P.S: Não curto o papel branco, pois ele força mais as vistas); e sua capa estampa um vasto jardim de esperanças, adornados com rosas vermelhas e um coração, o seja, ambos símbolos do AMOR. Por fim, para você que curte um enredo recheado de coração, eis uma ótima pedida. \o


Livro: Descobrindo Todas as Formas de Amor (livro 1)
Autora: Roberta Farig
Gênero: Romance
Editora: Uno
Ano: 2014
Páginas: 180

2 comentários

  1. Sou suspeita em falar de um texto da Roberta, sendo que ela é minha parceira de escrita na Trilogia Nephilins. Adoro a sutileza romântica que ela aplica em cada linha, conduzindo-nos a um delicioso mundo repleto de sonhos apaixonados. Até mesmo em seus contos hots ela alcança tal feito.
    "Descobrindo Todas as Formas de Amor" é uma leitura deliciosa. Estou ansiosa pelo segundo volume...
    Parabéns, Simone, pela resenha. À Roberta, desejo muito sucesso nessa linda jornada literária que está traçando.

    Abraços ♥

    http://vanessaaraujo.tk

    ResponderExcluir
  2. Nossa mãe do céu... Nossa senhora protetora das escritoras iniciantes...
    EU ESTOU SEM PALAVRAS!
    Simone, sua querida do meu S2, o que eu posso te dizer?
    - Obrigada!
    É pouco ainda, mas é sincero!
    Suas palavras tocaram minha alma, e a alegria em saber que meu livro tocou você e a fez perceber a essência dele deixou-me extasiada.
    Deus te abençoe por tudo, de coração!

    Beijos!

    ResponderExcluir